TermasVimeiro

Termas do Vimeiro

Atravesse a ponte e entre em Maceira, onde estão realmente situadas as Termas do Vimeiro. Siga as indicações. As Termas ficam do lado esquerdo, imediatamente antes de uma ponte. À entrada das instalações (onde são engarrafadas as conhecidas águas), existe uma torneira onde a empresa deixa qualquer pessoa abastecer-se gratuitamente, até 5 litros. Ao fim-de-semana, no entanto, as instalações estão fechadas, tornando impraticável qualquer abastecimento. Depois de passar a ponte junto às Termas, vire à direita e siga pela estrada que acompanha o rio. Existe aí um agradável parque, com piscinas, fontes e zona de merendas. O parque está aberto todo o dia e a sua utilização é gratuita, com excepção das piscinas.

• Continuando por essa estrada, entrará em Fonte dos Frades e passará por uma atraente paisagem, sempre à beira-rio. De ambos os lados, elevam-se umas falésias rochosas, cheias de vegetação, completamente diferentes de qualquer paisagem que já vimos durante este percurso. Vale a pena estacionar durante algum tempo, para apreciá-las bem. Se se mantiver imóvel e em silêncio, também poderá observar as muitas aves que frequentam estas paragens. Mas, como não existe bela sem senão, fique a saber que este troço de estrada é particular e a sua utilização é paga, custando cerca de 0,5 euros (ida e volta). De qualquer modo, não deixa de ser uma ninharia, tendo em conta o privilégio de ver esta bonita paisagem e utilizar o parque de lazer.

• Chegando ao final desta estrada, terá de passar novamente pelo lago com os patinhos, em Porto Novo, atravessar a ponte e voltar à esquerda quando vir a indicação Lourinhã. Se tiver feito o percurso de ida e volta na estrada particular ou se optar por não a utilizar, regresse à ponte que se encontra junto às Termas, faça o caminho inverso e volte à direita quando vir as indicações Lourinhã e Porto Dinheiro.

Comentários

Comentários