Artigos

Alvito

A próxima paragem é no Alvito, vila tipicamente manuelina. O castelo é um edifício dos finais do séc. XV que, depois de ter estado em ruínas, foi reedificado como residência dos marqueses de Alvito e é, agora, uma pousada. Apesar de o edifício actual pouco ter a ver com o antigo castelo, as janelas do torreão da fonte e o pelourinho que se encontra em frente ainda podem justificar uma visita.

• No fim do largo da feira, poderá visitar a curiosa Igreja de São Sebastião, que se assemelha a uma fortaleza e, logo atrás, a pequena Gruta do Rossio. O guarda que costuma acompanhar a visita vive na rua em frente à igreja – qualquer pessoa da terra sabe indicar a porta.

• Perto do Alvito, existem duas barragens que podem justificar uma visita mais demorada: a Barragem do Alvito e a de Odivelas, que comunicam entre si através da Ribeira de Odivelas. Ambas apresentam água muito limpa e dispõem de várias ilhas, algumas com casario em ruínas, que proporcionam uma paisagem magnífica, mesmo em anos de seca quando a água está muito baixa. Se dispõe de um barco ou de uma canoa, não hesite em levá-los consigo, para explorar bem todas as ilhas e recantos das barragens. Também poderá fazer óptimas caminhadas a pé, pescar (achigã, carpa, chanchito, etc.) ou, simplesmente, não fazer nada e gozar a sombra de um dos muitos sobreiros ou azinheiras aí existentes. A Barragem de Odivelas é a que dispõe de mais estruturas de apoio e possui um complexo turístico bem organizado.

• Se for da Barragem do Alvito para Vila Ruiva, passará por Albergaria dos Fusos. Não se esqueça de reparar na pequena escola desta povoação, pois parece saída de um conto de fadas. Depois da escola, vire à direita. Percorridos escassos quilómetros, a estrada passa sobre uma ponte romana, muito bonita, que atravessa a Ribeira de Odivelas. Embora seja da época romana, esta ponte foi sujeita a reconstruções visigóticas e árabes. É constituída por 26 arcos intervalados por olhais de volta perfeita e tem 120 metros de comprimento. Encontram-se algumas lápides funerárias romanas entre os blocos que formam alguns dos pegões.

A partir de Vila Ruiva também está bem indicada a estrada que dá acesso a esta ponte e à Barragem do Alvito.

parque aquatico fafe, parque aquatico de fafe, parque aquatico de fafe preços 2013, casa do penedo, burros, parque aquatico fafe preços, praias fluviais algarve, escapadelas baratas, parque aquatico fafe site oficial, casa do penedo fafe .