Artigos

1206836745_dornelas_geral

Dornelas

Depois, saia de Lamas de Olo, tomando a direcção de Anta e Ribeira da Pena. À saída, repare ainda na antiga ponte e no açude, à esquerda, onde apetece descansar ao som do marulhar da água corrente.

• Passados alguns quilómetros, volte para a direita quando vir indicado Dornelas. À entrada da aldeia, atente bem no cruzeiro, à esquerda, que se encontra coberto de líquenes. Os líquenes resultam da associação de algas e fungos. Como são muito sensíveis à poluição atmosférica, a sua presença é considerada um bom indicador da pureza do ar. Não se coíba, portanto, de encher bem os pulmões deste puro ar serrano!

• A visita a Dornelas vale a pena, sobretudo, pela grande quantidade de casas que ainda ostentam a traça tradicional e pela magnífica paisagem do vale. No entanto, a população já é muito reduzida e o facto de ser composta, essencialmente, por pessoas muito idosas parece indicar que estará votada ao abandono dentro de poucos anos.

9635036_BTnzB

Lamas de Olo

A próxima paragem será em Lamas de Olo, uma bonita aldeia que se vislumbra do referido miradouro.

• Comece por prestar atenção à forma de construção, muito característica, dos muros de pedra que delimitam as propriedades desta região. Depois, logo à entrada da aldeia, repare no abrigo de pedra que protege as caixas de correio. Um pouco adiante, do lado oposto, observe o lavadouro público, onde as mulheres lavam a roupa na água gélida e cristalina. Aproveite para parar o carro nessa zona e inicie uma visita mais demorada à aldeia, apreciando a rusticidade das ruelas estreitas e das casas com telhados de colmo ou de grandes placas de xisto.

• Na altura do cultivo, as calçadas ficam, por vezes, repletas de esterco. É que, aqui, ainda se utiliza como principal adubo o estrume, constituído pelos excrementos do gado misturados com o mato utilizado para lhes fazer a cama. O estrume é transportado nas pequenas, mas elegantes, carroças, quase sempre puxadas por uma parelha de vacas.

• Experimente deixar a habitual intranquilidade urbana no automóvel e saborear um pouco do sossego local, aproveitando, eventualmente, para conversar um pouco com os aldeãos, que teimam em viver desta forma pacata e rude. Contrariamente ao que acontece nas grandes cidades, aqui o acto de cumprimentar calorosamente um desconhecido na rua é quase sempre o ponto de partida para alguns minutos de agradável conversa.

parque aquatico fafe, parque aquatico de fafe, parque aquatico de fafe preços 2013, casa do penedo, burros, parque aquatico fafe preços, praias fluviais algarve, escapadelas baratas, parque aquatico fafe site oficial, parque terra nostra .