Ribeira de Pena

De volta a Portela de Santa Eulália, continue na direcção de Ribeira de Pena. Cerca de 10 quilómetros depois, encontrará, à esquerda, a indicação de mais um parque de lazer. O recinto também é excelente e está muito bem equipado, pelo que constitui uma boa alternativa no caso de não ter podido (ou decidido) parar no parque anteriormente referido. Ribeira de Pena vale, como é evidente, um pouco do seu tempo. Porém, estando já adiantados no percurso, é para norte desta vila que o encaminhamos, de forma a poder ver, em Santo Aleixo, umas das raras pontes de arame (ou pontes pênseis) do país. Esta ponte sobre o Rio Tâmega, suportada por dois cabos de aço, aparece referida em duas obras de Camilo. Para a ver, terá de fazer um desvio de cerca de 5 quilómetros.

Comentários

Comentários