0ce80ea4-76a0-4aea-9c17-c157f1791667

Messejana

Ainda dentro do tema da arquitectura alentejana, poderá visitar, a cerca de 12 quilómetros de Aljustrel, a simpática vila de Messejana. Ao chegar, deparará com uma série de casinhas brancas, quase todas debruadas a azul, alternando aqui e ali com casas de passado nobre. Subindo à Igreja Matriz, que infelizmente se encontra num estado de ruína evidente, conseguirá observar a paisagem que se estende em todas as direcções.

Mas o elemento mais curioso da freguesia situa-se fora da vila, no alto de um monte que se avista da Igreja Matriz – a Igreja de Nossa Senhora da Assunção. Mandada construir por emigrantes regressados do Brasil, como forma de agradecimento pelo sucesso económico alcançado, o edifício assemelha-se mais às construções da Baía e de Ouro Preto do que propriamente aos outros templos que se encontram pelo Alentejo fora. Infelizmente, este é mais um exemplo do abandono a que os monumentos do nosso país estão, por vezes, votados. Para piorar a situação, a via que dá acesso à igreja também não se encontra nas melhores condições, bem pelo contrário. Por isso, se não tiver um veículo todo-o-terreno ou se simplesmente não tiver um interesse particular por arquitectura religiosa, o melhor é esquecer esta visita.

Comentários

Comentários