Coruche

Nesta aldeia, vire à esquerda, para o cemitério. Siga depois, sempre pela esquerda, em direcção aos moinhos e, ao fim de cerca de quilómetro e meio, pergunte pela casa do Sr. Manuel das Dores, um palhoceiro local. No entanto, é preferível confirmar com antecedência se ele está em casa, pelo telefone 232 68 85 17. Aí verá como se confeccionam as palhoças, vestes típicas da região, que protegem os pastores das inclemências do Inverno. Se estiver interessado em adquirir um “fato” completo (capuz, capote e polainas), em tamanho real, terá de pagar cerca de 75 euros. Uma miniatura, também completa, custa à volta de 25 euros.

Comentários

Comentários