77402044.v3f5mbpL

Castelo de Marvão

A fortaleza está perfeitamente encaixada no alto de um penhasco, a 865 metros de altitude, de onde se podem, de facto, “ver os pássaros pelas costas”. Por isso, não deixe de subir aos pontos mais altos para apreciar um magnífico panorama da região.

• Logo à entrada, à direita, existe uma porta de acesso à cisterna, que poderá visitar, descendo as escadas com cuidado. O espaço interior é enorme – a sua grande capacidade era muito importante, especialmente em tempo de guerra, pois permitia à vila o abastecimento de água durante vários meses. O tecto é abobadado, em pedra. Se a visitar no Verão, é provável que seja atacado por hordas de insectos, instalados logo à entrada.

• Continue a explorar o castelo, que está dividido em dois recintos. No primeiro existe, à direita, uma olaria, o Forno do Assento. No segundo recinto, encontrará a torre de menagem, que poderá também visitar, e mais duas cisternas, mais pequenas do que a primeira, que estão fechadas ao público.

• Saindo do castelo, do lado direito, existe um pequeno jardim, muito bem cuidado, com uma fonte central. Será um bom local para descansar, à sombra das árvores, depois desta caminhada.

Comentários

Comentários