Borba - Porta de Estremoz

Borba

Regresse ao automóvel e saia de Vila Viçosa na direcção de Borba, derradeira etapa do nosso itinerário. Borba não tem, é forçoso dizer-se, a majestade de Vila Viçosa nem a imponência de Estremoz. Mas merece, mesmo assim, uma visita atenta. A melhor forma de a conhecer é através de um passeio a pé. O centro histórico é relativamente pequeno, de forma que facilmente se aperceberá dos pontos mais importantes. Chamamos a atenção, sobretudo, para o antigo castelo, do qual apenas restam a torre de menagem e as portas de Estremoz e do Celeiro. A Torre do Relógio foi acrescentada à fortificação após o terramoto de 1755. Na Rua Maria de Borba, à qual dá acesso a Porta de Estremoz, existe uma das formosas estações da Via Sacra, os chamados Passos. Encontrará diversas dessas estações espalhadas pela vila. Digna de menção é também a Fonte das Bicas, considerada, por alguns, o monumento mais representativo de Borba. Construída no séc. XVIII, toda em mármore branco, ostenta na parte central os bustos dos monarcas da altura, D. Maria I e D. Pedro III. A cornija apresenta ainda o escudo, coroado, da Casa Real Portuguesa. Por detrás da fonte, encontra-se o jardim municipal, com um bonito coreto.

Comentários

Comentários